#movimento Naked Lady #movimento Naked Lady

img projeto2

O Projeto

A OH K é uma plataforma colaborativa, que inspira marcas e artistas a traduzir em produtos de design, temáticas reflexivas com o intuito de causar alguma transformação pessoal ou social.

Incentivamos o slow fashion e o consumo consciente através da quebra de padrões nos calendários da moda. A partir deste ano, nossas coleções não serão orientadas pelas estações, mas sim por um tema anual.

Este ano, lançamos o Movimento Naked Lady, que traz a discussão sobre os direitos da mulher e o feminismo no Brasil. Nosso objetivo é inspirar marcas, artistas e consumidores a refletir sobre o papel da mulher na sociedade a partir de questões de gênero, cor, nudismo, corpo, aceitação, auto-estima, liberdade e igualdade de direitos.

Com curadoria da OH K, 30 nomes de arte, moda, decoração e lifestyle que se destacam pela originalidade, autenticidade e produção 100% brasileira, participam do movimento com a marca madrinha Anacapri.

 

A Inspiração

Amaryllis Belladona: conhecida popularmente como Naked Lady, é uma flor delicada e venenosa de origem Sul-Africana, que possui um alto índice de alcalóides em sua raiz, sendo fatal para os humanos.

Mas por que uma flor venenosa remete à nudez feminina? O que a escolha deste nome revela sobre nossa sociedade patriarcal e repleta de machismo? Quem são as pessoas que mais sofrem com este tipo de associação? O que você sabe sobre o feminismo? Já pensou em como você pode transformar a si e ao mundo à sua volta a partir destas questões?

Movidas por tais perguntas, convidamos mais de 30 artistas e marcas de moda, decoração e lifestyle para lançar nossa primeira coleção colaborativa. Ficou interessadx  em incentivar novos artistas e produtores locais do Brasil que defendem o feminismo? Vem aqui. : )

 

flor

O que é o feminismo?

Feminismo é um conjunto de movimentos de caráter social e político, que tem em comum a defesa da equidade entre homens e mulheres nas mais diferentes esferas — econômica, política, jurídica, social e até mesmo nas relações de esfera privada — que busca combater opressões pautadas nas diferenças entre os sexos. A emancipação feminina e a afirmação de sua dignidade através da promoção da equidade são os grandes objetivos dos movimentos feministas.

Mas o que é equidade? Equidade é considerar as diferenças e singularidades de uma pessoa ou situação, que determina seu tratamento diferenciado com o objetivo de estabelecer o equilíbrio nas relações entre os sujeitos das diferentes esferas que compõem os espaços público e privado. A defesa pela equidade de gênero busca reparar injustiças através de ações afirmativas, tratando de forma justa as pessoas que se encontram em desigualdade e respeitando as singularidades de cada um. A equidade, portanto, tem relação com o conceito de igualdade, que pode ser entendida sob dois aspectos. A igualdade formal, que é, resumidamente, a igualdade de todos perante as leis, e a igualdade material, que reconhece as diferenças concretas entre as pessoas e busca garantir proteção àqueles que estão em posição de desvantagem. O feminismo é um dos movimentos que busca a igualdade não apenas em termos formais (pelas leis), mas também materiais (protegendo e compensando as mulheres das opressões sofridas), realizando assim a equidade.

É importante lembrar que homens e mulheres não são tratados de formas iguais e que ações para equilibrar as desvantagens das mulheres na sociedade são importantes para esse movimento. A existência de uma delegacia para mulheres, o conceito de feminicídio e as cotas para mulheres são alguns exemplos de como tratar os desiguais na medida de suas desigualdades.

Ao contrário do que muitos pensam, feminismo não é o oposto de machismo. O feminismo luta contra o sexismo, onde valores ligados ao gênero masculino ou feminino são colocados como superiores ao do gênero oposto, servindo de elementos para justificar opressões. No feminismo, buscamos equalizar esses valores e promover a existência harmônica e justa entre os indivíduos de ambos os sexos.

 

O que as feministas querem?

O conceito de feminismo é amplo, se divide em vertentes (liberal, radical, negro e interseccional, entre outros), suas demandas e pautas são múltiplas, podem ser muito distintas e as propostas que cada grupo busca para alcançar seus objetivos pode variar muito. Em diversos pontos, elas se encontram; em outros, são totalmente opostas. Veja aqui algumas vertentes e explicações gerais, para você começar a escolher a sua.


Sendo assim, esta é uma questão complexa, com muitas respostas possíveis, mas podemos estabelecer, em linhas gerais, algumas pautas comuns a quase todos os movimentos que se encontram sob o conceito de feminismo. Como diz bell hooks, o feminismo é um movimento que visa o fim das opressões de caráter sexista e também de outras formas de opressão, como o racismo, transfobia, entre outros, e acima de tudo, busca a melhoria das condições de vida de todas as mulheres.

O que podemos fazer para ajudar?

RESPEITAR: Entender o lugar que ocupamos no mundo, nossas formas de se relacionar, construções sociais muitas vezes equivocadas, que não nos permite dialogar e ajudar o próximo.

ESCUTAR: Ouvir o próximo, se colocar no lugar do outro, reconhecer nossas igualdades e direitos, não deixar que o discurso do ódio ganhe espaço. Através do diálogo, do amor e da transformação de nós mesmos, é possível ajudar o outro e por consequência, o mundo.

SENTIR: Ter empatia e compaixão, fazer o exercício constante de desconstruir padrões para libertar a nós mesmos e ao próximo.

FAZER: Adotar ações concretas não apenas nos nossos comportamentos, como também influenciar as ações do próximo, seja apontando, criticando ou problematizando questões ligadas ao feminismo.

timeline: o feminismo em movimento

entenda as ondas feministas, as principais articuladoras do movimento e conceitos importantes

Termos & Conceitos

por Ludmyla Franca-Lypke e Karen Hofstetter

Reflita

Articuladoras

entre tantas mulheres incríveis, destacamos aqui algumas acadêmicas, militantes
e articuladoras que impactam e orientam debates atuais

Foto Djamila Ribeiro

Djamila Ribeiro

Djamila Ribeiro é a nova Secretária-Adjunta da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania de São Paulo. Feminista negra, mestra em filosofia política, escreve para o Escritório Feminista da Carta Capital e é uma das mais influentes pensadoras da nossa geração.

duas mulheres

Empodere duas mulheres

Um perfil ótimo para seguir no Facebook e ficar por dentro de debates, estatísticas e reflexões sobre o empoderamento das mulheres. Clica aqui!

naked lady joutjout

Jout Jout

Julia Tolezano, youtuber, criadora do canal “Jout Jout, Prazer” tem apenas 23 anos é uma importante articuladora que conta segredos escatológicos das mulheres, fala sobre sexo e assuntos relevantes em uma pegada de comédia stand up.

Foto JULIANA DE FARIA

JULIANA DE FARIA

É fundadora da ONG Think Olga, que se dedica a debater a feminilidade. Também está à frente da campanha Chega de Fiu Fiu, cujo objetivo é combater o assédio sexual em locais públicos.

ligia

Lígia Moreiras Sena

Lígia Moreiras Sena é bióloga, mestre em Psicobiologia, doutora em Ciências, doutoranda em Saúde Coletiva, autora do blog “Cientista Que Virou Mãe” e do livro “Educar sem violência: criando filhos sem palmadas”. Pesquisadora das formas de violência praticadas no âmbito do sistema de saúde, do parto e da medicalização da vida.

lola abramovich

Lola Abramovich

Blogueira feminista, autora do blog “Escreva Lola Escreva”, Lola Abramovich é professora da Universidade Federal do Ceará, doutora em Literatura em Língua Inglesa pela UFSC. É uma das primeiras vozes do feminismo brasileiro que buscaram transformar a internet em instrumento de conscientização, informação e luta.
 

manoela miklos

Manoela Miklos

Manoela Miklos é doutora em em Relações Internacionais, professora universitária, idealizadora das campanhas Não Tem Conversa e #AgoraÉQueSãoElas e uma das autoras do site “AzMina”. Atualmente é também parte da equipe do Programa para a América Latina da Open Society Foundations.

Foto Maria Gabriela Saldanha

Maria Gabriela Saldanha

Maria Gabriela Saldanha é uma maria-ninguém que vem se aperfeiçoando a cada dia na arte de ser porra nenhuma, a fim de nunca se “alguenizar”. Espera, assim, comunicar melhor as belezas, angústias e esperanças das multidões – ninguém. À parte isso, tem em si todos os sonhos do mundo. E muita fé nos Orixás.

Foto Nana Queiroz

Nana Queiroz

Nana Queiroz é escritora, formada em Jornalismo pela USP, especialista no estudo das questões de gênero. É a organizadora do protesto online #EuNãoMereçoSerEstuprada” e possui um blog hospedado no HuffPostBrasil.

artemis

ONG Artemis

A Artemis é uma ONG, fundada em 2013 e sediada em São Paulo, que visa a promoção da autonomia feminina e a erradicação da violência contra a mulher, com atuações marcantes no âmbito jurídico em defesa dos direitos da mulher.

Foto Stephanie Ribeiro

Stephanie Ribeiro

É estudante de Arquitetura e Urbanismo na PUC de Campinas. Ativista feminista negra, já teve textos seus postados no site da revista Marie Claire, Blogueiras Negras, Géledes, entre outros. Em 2015, recebeu da Assembleia Legislativa de São Paulo a Medalha Theodosina Ribeiro, que homenageou seu ativismo em prol das mulheres negras.

augustana copy

WEB: Casa da Mãe Joana

Site de conteúdo 100% colaborativo, focado em agregar conhecimentos oriundos das muitas correntes do feminismo, que não se alinham a nenhum local discursivo em específico. A CDMJ procura aplicar os princípios da interseccionalidade a todas as nossas práticas, pois reconhecem e respeitam a multiplicidade de posicionalidades feministas – e não desejam oferecer a palavra final sobre nenhum assunto em particular.

Inspiração

realizadores-OHK

OH K

plataforma colaborativa

Criada por Karen Hofstetter e Lavinia Porto, a OH K é uma plataforma colaborativa, que inaugura um novo e pioneiro modelo de negócio. Inspiramos marcas e artistas a traduzir em produtos de design, temáticas reflexivas com o intuito de causar alguma transformação pessoal ou social.

Incentivamos o slow fashion e o consumo consciente através da quebra de padrões nos calendários da moda. Nossas coleções não são orientadas pelas estações, mas sim por um tema anual. O #MovimentoNakedLady é o tema de 2016, que traz a discussão e reflexão sobre os direitos da mulher e o feminismo no Brasil.

 

anacapri

Anacapri

A marca madrinha do projeto

Uma marca que já nasceu descomplicada: libertou a mulher do salto-alto e que apoia o movimento feminista através da campanha em collab com a OH K “o peito do pé também é livre”.

olga

think olga

a ong da vez

O Movimento Naked Lady busca também direcionar o foco para quem atua diariamente a favor da nossa causa. A Think Olga é uma ONG que empodera mulheres por meio da informação e que luta para que todas as mulheres possam ter cada vez mais escolhas. Nunca menos. Para saber mais sobre o trabalho da Think Olga, clique aqui.

Colaboradores

nakedlady afrozunduri

Afrozunduri

acessórios
brasília – df

Brincos e acessórios geométricos que realçam a cultura Afro Brasileira, desenvolvidos pela brasiliense Ingrid Ohana, que explorou formas femininas na sua coleção em parceria com a OH K.

augustana

Augustana

moda
rio de janeiro – rj

A marca busca inspiração no lifestyle urbano onde a simplicidade e o conforto são essenciais, mas não menos importantes que o estilo e a sofisticação.

Artistas Benta Studio

Benta Studio

moda
rio de janeiro – rj

Estúdio formado por Maitê Lacerda, Gabriela Garcia e Beatriz Cunha, que criam com cor e bom humor produtos descomplicados e originais. Para o Naked Lady elas exploram a figura da mulher, desenhos botânicos e folhagens tropicais.

nakedlady bruna guerin

Bruna Guerin

atriz
são paulo – sp

Dedica-se ao teatro, dança e é cria da nova geração de atores que se destacam em musicais. Recebeu o prêmio Bibi Ferreira de melhor atriz em 2015 e posou para o Gary Gananian em um ensaio fotográfico para o Naked Lady.

artista-carol_naine

carol naine

cantora & compositora
Rio de janeiro – RJ

Cantora, compositora e carioca, começou a estudar teoria musical, piano, pandeiro e voz aos 9 anos. Carol combina música brasileira, arranjos contemporâneos e uma variedade de temas nas letras de suas canções.

casadobra

casa dobra

artes visuais
são paulo – sp

Um estúdio de entregas criativas, com curadoria de Anália Moraes e Daniel Wood. A mensagem dos produtos e criações para o Naked Lady estão principalmente ligados ao corpo feminino, um templo que envolve beleza, profundidade e contradição.

chapeu

chapéu

beachwear
são paulo -sp

A marca de Pablo Noronha e Talita de Araújo Carvalho tem grande influência da arte, design e de novas ideias. Junto com a OH K, desenvolveram uma estampa inspirada na descontrução dos padrões femininos em tempos atuais, chamada de “Espelho”.

nakedlady colla gg

CollaGG

artes plásticas
são paulo – sp

Ávida por expressar seus sentimentos e impressões sobre o mundo, Gabriella Garcia iniciou seus experimentos com colagem e desenho em 2011, abordando principalmente temáticas sobre a sexualidade. A obra traz intervenções de pintura, linhas e esculturas de papel.

nakedlady denise mikowski

denise mikowski

bordado & ilustração
são paulo – sp

Além de suas reconhecidas ilustrações botânicas, Denise também cria bordados usando fios de lã, que se transformam em quadros que instigam a curiosidade através de tons e texturas. A força e o misticismo por trás do sagrado feminino foi sua inspiração para a coleção Naked Lady.

nakedlady dre magalhaes

Drê Magalhães

acessórios
são paulo – sp

Foi em um passatempo passado de mãe para filha que a paulistana Andreza Magalhães descobriu sua facilidade para trabalhos manuais.  A inspiração em seus acessórios vem principalmente das formas arquitetônicas e o material mais expressivo da sua coleção é a corda, que aparece aqui para desamarrar preconceitos.

nakedlady dresscoracao

Dresscoração

moda
salvador – ba

O conceito da marca é trabalhar com matérias prima produzidas no Brasil, que tenham inegavelmente o pé na estética e herança africana. As peças de Loo Nascimento, cheias de cor e vida, são inspiradas diretamente no seu trabalho de pesquisa de referências.

nakedlady gary

Gary Gananian

fotografia
são paulo – sp

Nascido em Los Angeles, Gary lidera a Kinoosfera Filmes e participou do Naked Lady clicando um ensaio com Bruna Guerin, em busca de diferentes ângulos que retratam várias mulheres dentro de uma só.

gypso

Gypso

décor
são paulo – sp

Tina e Débora, duas amigas que desenlvovem a criação de suas peças com uma estética urbana e industrial, trazendo objetos contemporâneos para casa. O protagonista da Gypso é o concreto, que pode ser revisitado com delicadeza e feminilidade em pequenos objetos.

inesplorato

Inesplorato

curadoria de conhecimento
são paulo – sp

Por meio da Curadoria Direcionada, a Inesplorato apresenta o desconhecido para quem busca a evolução. Também inspira, ajudando indivíduos a criarem novas formas de se relacionar com o conhecimento. No projeto da OH K, contribui dividindo conosco uma pesquisa de gênero, que orientou reflexões sobre como marcas lidam com questões da mulher.

 

nakedlady joo

Joo

underwear
londrina – pr

A marca de Jo Oenning e Valdomiro Favoreto tem uma abordagem expressiva sobre as linhas do corpo feminino. As silhuetas em torno do contorno ou pensadas como camadas sobrepostas são criadas para expor o design como conceito e forma.

nakedlady livo

Livo

eyewear
são paulo -sp

A marca de Raphael Neves, Arthur Blaj e Guilherme Freire, tem óculos feitos à mão e todos os modelos são fabricados no Brasil utilizando um processo manual que garante a exclusividade e originalidade.

nakedlady luciana copy

Luciana Elaiuy

poeta e escritora
são paulo – sp

Palavras em verso, conteúdo, objeto, música, branding, poster. De São Paulo, Luciana colabora criativamente em projetos de grandes ou pequenas marcas nas plataformas de música, branding, poesia, conteúdo, ou todas elas juntas.

ludmila

Ludmyla Franca-Lypke

conteúdo
salvador – BA

Mestra em Direito (UFBA) e doutoranda em Ciência Política (Universidade Livre de Berlim). Atuou como professora universitária e pesquisadora em Salvador e em São Paulo. Tem uma filha de 5 anos. O interesse pelo feminismo surgiu na época da graduação, nos estudos sobre direitos humanos, se intensificando após ter vivido como mãe solteira e doutoranda no exterior.

nakedlady luizadias

Luiza Dias 111

acessórios
são paulo -sp

Na numerologia, o “111” remete a Vênus, planeta que rege a arte, harmonia, estética e beleza. Luiza traduz esses elementos em cores audazes e padrões destemidos, misturados de forma natural e intuitiva. As peças desenvolvidas misturam materiais pesados, porém frágeis e sua forma apresenta um equiilíbrio desarmônico.

nakedlady mocha

Mocha

moda
rio de janeiro – rj

A marca de Lily Taira e Ana Voss, tem um estilo inusitado, chic e atemporal, para mulheres que buscam roupas duráveis e versáteis, na contramão do fast fashion e do consumo desmedido. O design clean e a estamparia dão o tom contemporâneo que traz muita personalidade às peças.

nakedlady naia

Naia Ceschin

artes plásticas
são paulo – sp

A designer de superfície Naia Ceschin quer estampar o mundo com técnicas digitais e manuais. Naia retrata a diversidade de elementos, formas e cores, da natureza tropical aos padrões gráficos, das cores vivas às texturas étnicas e geométricas. Para o Naked Lady, colaborou com folhas de palmeiras pintadas à mão.

nakedlady naira

Naira Mattia

fotografia
são paulo – sp

Afinal, o que é a mulher nua? Unindo formas orgânicas e tons que remetem a pele em experimentações estéticas, a fotógrafa Naira utilizou símbolos universais de feminilidade como centro das questões existenciais femininas.

nakedlady olive

Olive

décor
são paulo – sp

A ceramista Sofia Oliveira se inspirou nos diferentes tipos de corpos femininos para desenvolver uma coleção de vasos. A artista buscou enfatizar a importância da quebra dos esteriótipos de beleza, enxergando o respeito e diversidade em todas as formas.

nakedlady pedrinho

Pedro Fonseca

foto & poesia
recife – pe

Pai de João, Irene e Teresa, que acredita que devemos usar a comunicação a favor da construção de um mundo melhor. Um dos projetos mais relevantes de Pedrinho é chamado A Olho Nu, onde ele fotografa mulheres e mostra através da nudez, suas histórias, medos e desejos.

nakedlady pietra

Pietra Santurbano

poesia
são paulo – sp

Um menino buscando seu femenino. Praticante de cinema transcendental. Colaborou com poemas, insights e pensamentos que impulsionaram diretamente o nascimento do projeto Naked Lady.

pomelo

Pomelo

décor
belo horizonte – mg

Produtos criados pela designer Débora Cruz que inovam ao utilizar materiais simples, por vezes reciclados, que se transformam e surpreendem na mistura de formas orgânicas e geométricas

nakedlady selvvva

Selvvva

décor
são paulo – sp

Criada por Denise Yui, Julia Rettmann e Marina Smit, três arquitetas que acreditam na influência positiva das plantas sobre os ambientes e as pessoas. Elas utilizam materiais como aço, compensado de madeira, cerâmica, pedras coloridas e cortiça  para criar vasos e bases para plantas.

nakedlady verena

Verena Smit

artes plásticas
são paulo – sp

Artista visual brasileira afiada em explorar imagens, texto e o ressignificado de palavras, trazendo um novo contexto poético em suas obras. Verena é a responsável pelo trabalho sensível, porém forte e destemido.

nakedlady verkko

Verkko

moda
rio de janeiro – rj

Com direção criativa da estilista Thaís Delgado, a marca busca produzir uma moda atemporal, sensual, elegante e minimalista. Tem como grande inspiração a temática urbana e gráfica e investe em modelagem feminina simples e confortável.


VOLTAR
PARA O TOPO